Top Ad 728x90


,

All Eyez On Me: filme biográfico de Tupac ganha data de lançamento e novas imagens e trailer

Trago uma boa e uma má notícia: a boa é que o filme biográfico de Tupac será lançando em 2016, a má é que até o momento nenhum outro país foi anunciado, apenas Estados Unidos — e talvez continue assim.

Com direção de Benny Boom, “All Eyez On Me” chega no dia 11 de novembro nos cinemas dos Estados Unidos, o filme vai narrar a vida e legado do lendário rapper até o momento de seu assassinato.

All Eyez On Me” vai narrar a vida e legado do lendário Tupac até o momento de sua morte, quando foi baleado em Las Vegas, em 1996, após prestigiar uma luta de Mike Tyson. “Estamos começando a história antes dele nascer“, disse o diretor a Billboard. “Seus pais foram Panteras Negras. Você verá as lutas de sua juventude, seu relacionamento com sua mãe, figuras paternas que estavam dentro e fora de sua vida“.


O longa já ganhou dois trailers, e também algumas imagens promocionais e de cenas de Tupac (Demetrius Shipp Jr.) no filme foram divulgadas.

Primeiro Trailer

As primeiras imagens do filme foram divulgadas em junho deste ano, e inclui uma narração em off de Afeni Shakur. “Isso não é apenas sobre você. Como todos os homens negros, você tem um alvo nas suas costas. Eles vão te dar as ferramentas que você precisa para destruir a si mesmo”, diz a personagem.


Segundo Trailer

Completando hoje o 20º aniversário de sua morte, foi divulgado o novo teaser do filme biográfico de Tupac, “All Eyez On Me“. Este (abaixo) é o segundo trailer e chega bastante agressivo, Tupac faz críticas ao vice-presidente da época, fala de lealdade com o Notorious BIG, tenta lidar com seu dever em ser um líder, flerta com as tentações e exala violência — versão oficial sem legenda.

Diferente da atmosfera do primeiro (onde a inspiração bate forte), este trailer possui uma trilha sonora sinistra, o vídeo retrata Tupac no auge de sua fama, quando estava se deixando levar pelos excessos. As imagens mostram cenas de luxo e exageros misturados com as explosões de violência que o rapper causava na época, principalmente com a polícia, seus rivais e meios de comunicação.


Enquanto na parte sonora, Afeni (mãe de Tupac, que veio a falecer em maio) diz: “Como todos os líderes negros, você é um alvo“, e tupac rebate: “Eu não sou um líder negro”, reflectindo um pouco da confusão que rondava a cabeça de Tupac.


Acompanhe mais detalhes nas imagens abaixo: 













0 comentários:

___________________________________________________________